Quarta-feira, 17 de outubro de 2018

Estatuto do Servidor

  • Categoria rejeita maioria das propostas da prefeitura de alteração no Estatuto do Servidor

    O Sindserv realizou a Assembleia Geral Extraordinária, no dia 28 de março, nas três sedes do Sindicato (Centro, Boiçucanga e Enseada), simultaneamente, com primeira chamada às 18h30, para deliberar sobre as propostas de alteração no Estatuto do Servidor. Uma hora antes, às 17h30, acorreu uma reunião com os trabalhadores para apresentação de todas as possíveis mudanças na Lei 146/2011 que, para o Sindicato, só devem ser efetivadas se garantirem mais benefícios à categoria, visando à implantação do Plano de Cargos, Carreiras e Salários (PCCS).

    Ainda na reunião e assembleia, foram apresentadas as respostas da prefeitura as reivindicações de mudanças no Estatuto que foram feitas pelos servidores, por meio de formulário disponível nas três sedes e no site do Sindserv. Vale lembrar, que todo o processo conta com parecer e é acompanhado pela Comissão Multidisciplinar de Estudos do Sindicato, composta por servidores eleitos em assembleia realizada em 2017.

    Das 44 propostas da prefeitura, 21 foram rejeitadas e 10 aprovadas com emendas pelos servidores presentes. O resultado das deliberações da assembleia foi protocolado na prefeitura no dia 2 de abril, por meio do ofício 42/2018, onde o Sindicato também solicita uma resposta oficial e por escrito da administração até dia 18 de abril. Os servidores também podem acompanhar mais detalhes sobre as propostas pelo site www.sindserv.com.

    Durante a Campanha Salarial 2017, o Sindserv garantiu mais uma importante conquista para toda a categoria, que é o compromisso da administração municipal com a criação do PCCS e dos Estatutos do Magistério e da Guarda Civil Municipal (GCM). Durante este processo, foram protocolados ofícios, como o 124/2017, para reivindicar maior empenho da administração e agilidade em seguir com os trabalhos, tendo em vista as urgentes necessidades da categoria.

    “Nossa luta é por nenhum direito a menos e mais benefícios para os servidores. Foi muito importante a união dos trabalhadores nesta assembleia para avaliar cada proposta e mostrar seu posicionamento contra qualquer tentativa de alteração que possa trazer prejuízos para a categoria. O que queremos é a implantação de um Plano de Cargos que valorize o funcionário público que se dedica diariamente ao desenvolvimento deste município”, destaca a presidente do Sindserv, Audrei Guatura.